Por tempo de contribuição, estaria hoje, comemorando minha aposentadoria…

Izabel MelloAgliberto Chagas, Reformas1 Comment

30 de março de 2017

Por Agliberto Chagas – Professor Universitário e especialista em gestão estratégica da inovação tecnológica

 

Por tempo de contribuição, estaria hoje, comemorando minha aposentadoria

A recorrente discussão sobre a Reforma da Previdência e a idade mínima a partir da qual o trabalhador poderia começar a usufruir de sua aposentadoria, me fez lembrar, hoje – 30/03/2017 – que há exatos 35 anos comecei minha jornada profissional.

Com 14 anos, cheio de sonhos e ideais, tive meu primeiro registro no Banco do Brasil, onde existia um programa de contratação dos melhores alunos de escolas públicas para trabalhar como “Menor Estagiário”. Ali, conheci o doce sabor do mérito, embora não fosse o melhor aluno em todas as disciplinas.

Depois disso, trabalhei em outros bancos, escritórios e escolas. Na faculdade iniciei minha carreira no magistério, aonde atuei desde o ensino fundamental até a universidade. Fui servidor público na prefeitura de São José dos Campos, coordenei diversos projetos que até hoje beneficiam a sociedade, como o Banco do Empreendedor Joseense-BEJ, Sala do Empreendedor, Parque Tecnológico e Galeria do Empreendedor.

Passado todo esse tempo contribuindo com o INSS – imaginei – como todos da minha geração – que, agora, usufruiria de um descanso remunerado e poderia me dedicar mais aos meus projetos pessoais.

Acompanhando a proposta do atual governo sobre a Reforma da Previdência, embora, segundo o presidente e membros do governo, seja um conjunto de medidas indispensável para evitar a quebra do sistema previdenciário brasileiro, chego a conclusão que fomos mais uma vez enganados.

Se tivesse tido a liberdade de aplicar todo o dinheiro que foi descontado de meu salário para a previdência ao longo dos anos, hoje, certamente, teria uma boa reserva e poderia investir em meus projetos.

Por isso, penso que seria importante o cidadão ter liberdade para escolher aonde investir seu dinheiro. Fica a dica!

 

agliberto

 

One Comment on “Por tempo de contribuição, estaria hoje, comemorando minha aposentadoria…”

  1. Discordo do amigo hoje, digo não a Reforma Previdenciaria é Trabalhistas, acompanhado o Portal dos Aposentados, a Mirian trava uma luta constante pelos direitos dos aposentados do Brasil, o que é necessário atualmente são leis mais eficaz que proteja a Previdencia, contra fraudes, golpes e remanejamento se aleatórios de verbas por políticos e Partidos, e só depois fazer uma reforma que passa a adequação das necessidades de uma Nação Trabalhadora, e que precisa sim respeitar seus Aposentados e assegurar ao trabalhador uma aposentadoria digna, dando a opção de aplicação de sua contribuição para quem tem condições de fazer los, dando a opção daqueles que não tem a mínima condições como trabalhadores rurais e outro tantos manter na instituição suas contribuições , essa nova previdência seria gerenciada por profissionais, capacitados e concurso dos, para administrar, gerenciar a instituição apenas supervisionada pelo MPF e o Ministério da Fazenda com poderes para trocar o Administrador, mas sem interferências política…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *